GO: (62) 3250-0707 GO (62) 9 9644 0139 Horário Comercial

Processo de soldagem oxicombustível - características

Características do processo
O processo de soldagem oxicombustível é um dos mais antigos processos de fusão. A soldagem se dá pela fusão de um ou mais metais de base, com ou sem material de adição, que são aplicados na junta a ser soldada por meio de uma chama proveniente da queima de uma mistura de gases. Esses gases passam por um dispositivo cuja função é dosá-los na proporção exata para a combustão. O dispositivo, chamado maçarico, deve ainda possibilitar que se produzam diferentes tipos de misturas necessárias para obter tipos de chama de acordo com os diferentes tipos de materiais.
 
As superfícies dos chanfros dos metais de base e o material de adição, quando presente, fundirão em conjunto formando uma poça de fusão única que, após o resfriamento, se comportará como um único material.
Para que ocorra a soldagem, é necessário tempo, calor e/ou pressão; com o tempo, o calor aplicado à peça fará uma fusáo localizada onde, após o resfriamento, aparecerá a união dos metais; no caso da utilização de pressão, isto causa um forjamento localizado.
Todos os metais e ligas comercialmente conhecidos fundem-se em temperaturas abaixo dos 4000°C. As ligas de aço, que são os materiais de maior utilização comercial, fundem na faixa de 1500°C. Assim, mostra-se viável a execução de soldagem por meio das temperaturas e poder calorífico desenvolvidos pela combustão dos diversos gases.
A AWS (American Welding Society) define o processo oxicombustível como "grupo de processos onde o coalescimento é devido ao aquecimento produzido por uma chama, usando ou não metal de adição, com ou sem aplicação de pressão".

Aplicação
Atualmente, outros processos de soldagem são apresentados como alternativa ao processo oxicombustível, e se este perde em competitividade nas faixas de grandes espessuras, continua a ser, em alguns casos, o método mais adequado para soldar tubos e chapas de aço de espessuras finas, além de ser adequado para revestimento superficial, corte térmico e seus derivados, metalizaçáo e aquecimento localizado.

vantagens
A soldagem pelo processo oxicombustível oferece várias vantagens: o equipamento é barato e versátil, é ótima para chapas finas, pois solda mais rapidamente que o eletrodo revestido, é realizada com pequenos ciclos térmicos - o que é bom para aços endurecíveis -, proporciona menor fadiga ao operador, tanto no controle manual como no visual, pode ser automatizado com preparação dos bordos, não usa energia elétrica e solda em todas as posições.

desvantagens
As principais desvantagens da soldagem pelo processo oxicombustível são: as chamas são pouco concentradas, o que acarreta grandes zonas termicamente afetadas, os cordões utilizados são largos, é necessário grande habilidade do soldador, não é econômica para chapas espessas, tem baixa taxa de deposição, há a inconveniência do transporte das duas fontes de gás e necessita de fluxo para trabalhar com metais não ferrosos.

Ficheiro:Oxygas welding station.jpg

Fonte: www.infosolda.com.br



Conteúdos relacionados

Equipamentos p/ Locação
Loja Virtual Alusolda
Usados para Venda
Depto. De Assistência Técnica
Peças de Máquinas de Solda e Corte Plasma