GO: (62) 3250-0707 GO (62) 9 9644 0139 Horário Comercial

Tenha mais segurança em instalações e serviços com eletricidade conhecendo as principais característica da NR 10

É a norma que estabelece condições mínimas objetivando a implementação de medidas de controle e sistemas preventivos, tendo como objetivo garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores que interagem direta ou indiretamente em serviços com eletricidade. Aplicam-se as fases de geração, transmissão, distribuição e consumo.  Em toda e qualquer tipo de instalações elétricas devem ser aplicadas medidas de controle tais como:

  • Documento que comprove a qualificação, habilitação, capacitação e autorização dos trabalhadores e dos treinamentos realizados;
  • Resultados de testes de isolação elétrica realizados em equipamentos de proteção individual e coletiva;
  • Conjunto de procedimentos e instruções técnicas e administrativas de segurança e saúde implantadas e relacionadas a esta norma.

Vale ressaltar que as empresas que operam em instalações elétricas ou equipamentos elétricos de potência devem conter juntamente com o conteúdo da norma a descrição dos procedimentos para emergência e certificação de equipamentos de proteção coletiva e individual.

Esta norma é tratada com cuidado pelas empresas e é citada também pela NBR (Norma Brasileira) para que se tenha uma orientação maior e ampla sobre instalações elétricas.

No trabalho em instalações elétricas quando a medida de proteção coletiva for inviável ou insuficiente para controlar os riscos devem ser adotados equipamentos de proteção individual, específicos e adequados às atividades a serem desenvolvidas. Na medida de proteção coletiva o aterramento deve ser executado conforme regulamentação dos órgão competentes.

Outras formas de proteção coletiva e isolação das partes vivas, obstáculos, barreiras, sinalização, sistema de seccionamento automático de alimentação, bloqueio de religamento automático. Nos trabalhos e nas atividades refereridas devem ser adotadas medidas preventivas destinadas ao controle de risco adicional especialmente quanto à altura, confinamento, campos elétricos e magnéticos, explosividade, umidade, poeira e outros agravantes.

As instalações elétricas devem ser mantidas em condições seguras de funcionamento e seus sistemas de proteção devem ser inspecionados e controlados periodicamente de acordo com as regulamentações dos fabricantes. Os trabalhadores que trata de alta tensão devem receber treinamento especifico em segurança no sistema elétrico de potência e em suas proximidades com currículo mínimo carga horária.

Trabalhadores autorizados a intervir em instalações elétricas devem ser submetidos a exame de saúde compatível com as atividades a serem realizadas. As áreas onde houver instalações ou equipamentos elétricos devem ser dotadas de proteção contra incêndio e explosão contendo também sinalizadores de segurança tais como:

  • Identificação de circuito elétricos;
  • Delimitações de áreas;
  • Identificação de equipamento ou circuito impedido.

Os serviços em instalações elétricas devem ser planejados e realizados dentro das conformidades com procedimentos de trabalho específicos padronizados com descrição detalhada de cada tarefa passo a passo, assinados pelo profissional contendo no mínimo o tipo de atividade a ser realizada, data, local e a referência aos procedimentos de trabalho.

As responsabilidades quanto ao cumprimento desta norma são solidárias aos contratantes e contratados, sendo de responsabilidade do contratante manter os trabalhadores informados sobre os risco a que estão expostos e as medidas de controle e segurança.

Cabe aos trabalhadores:

  • zelar pela sua segurança e saúde e a de outras pessoas que possam ser afetadas por suas ações ou omissões no trabalho;
  • responsabilizar-se junto com a empresa pelo cumprimento das disposições legais e regulamentares, inclusive quanto aos procedimentos internos de segurança e saúde; e
  • comunicar de imediato, ao responsável pela execução do serviço as situações que considerar de risco para sua segurança e saúde e a de outras pessoas.

Cabe à empresa:

  • manter os trabalhadores informados sobre os riscos a que estão expostos;
  • na ocorrência de acidentes de trabalho envolvendo instalações e serviços em eletricidade, propor e adotar medidas preventivas e corretivas;
  • promover ações de controle de riscos originados por outrem em suas instalações elétricas e oferecer, de imediato, quando cabível, denúncia aos órgãos competentes.

Os trabalhadores devem interromper suas tarefas exercendo o “Direito de recusa” sempre que constatarem evidências de riscos graves e iminentes para sua segurança e saúde ou a de outras pessoas, comunicando imediatamente o fato a seu superior hierárquico que tomará medidas cabíveis.

 A documentação prevista desta norma deve estar permanentemente à disposição dos trabalhadores que atuam em serviços e instalações elétricos, na ocorrência do não cumprimento desta norma, o ministério do trabalho adotará medidas cabíveis.

 

Conheça a Alusolda

Fonte: Paulo César Bessa



Conteúdos relacionados

Deixe o seu comentário:

Comentários

0 Comentários Postados
Equipamentos p/ Locação
Loja Virtual Alusolda
Usados para Venda
Depto. De Assistência Técnica
Peças de Máquinas de Solda e Corte Plasma